Doctor Who – 8×04 – The Power of Three

Vou ser franca aqui, até agora essa oitava temporada de Doctor Who está se mostrando bem diferente das anteriores. Estamos no quarto episódio e até agora nem sinal do que chamamos de História Principal. Se você assiste Doctor Who, sabe do que estou falando… Aquele mistério que te deixa noites sem dormir gerando mil teorias e as postando em seu blog/twiter/facebook a cada episódio. Eles têm sido desapontantes nesse quesito.

O objeto em questão fala de uma grande invasão à Terra, de repente, havia cubos em todos os cantos, ruas, praças e até dentro de suas casas. E, obviamente, o Doctor volta a Terra para investigar a questão. O fato é que a invasão não parece ser o tema central do episódio, ela é apenas a circunstância que reune o trio inseparável de Amy, Rory e o Doctor.

Por isso,  o nome do episódio ser The Power of Three. A díficil decisão que Amy e Rory tem de tomar entre viver a vida de aventura com o Doctor a viver a vida humana cotidiana com seus amigos e trabalhos é o grande tema de todo drama. Eles passam o episódio inteiro, decididos a viver a vida humana cotidiana, já se despedindo do Doctor, apesar de nada muito forte ou decisivo, quer dizer, nada muito convincente ou realmente triste. O clima não era de despedida, o que acho que foi proposital. Apesar de em alguns momentos, como quando o Doctor olha para visor, pára, manda que eles corram e corre também e o Rory olha para o Amy e diz “vou senti falta disso”; eu ainda assim não fui convencida de que eles iam mesmo parar com isso. A coisa foi mais abordada como um plano incerto, algo que foi dito simplesmente porque eles não podiam ficar entre os dois modos de vida.

Minha grande crítica a esse episódio (e agora vem SPOILER) é o fato de não ter havido nenhum fator determinante para que mudassem de ideia e escolhessem ir com o Doctor no final. Quer dizer, não houve nenhum momento que se possa dizer “ah, foi aí que eles viram que ir com o Doctor era mais legal”, não existe isso nesse episódio. Ao invés disso, nas últimas cenas, o pai do Rory fala algumas palavras sobre ser o Doctor quem não pode parar e que o Rory e a Amy deveria ir juntos ajudá-lo a salvar quantos mundos puder porque como ele mesmo disse: “quem mais têm essa chance?”. E assim eles segue com o Doctor e a Amy narra uma frase que até agora não entendi: “Na verdade, os cubos são o poder dos três”… Ela quer dizer que os cubos que deram poder a eles? Que os uniu? Porque eu realmente prefereria se fossem triângulos.

O que me leva à minha segunda crítica, os diálogos estão mais fracos nessa temporada, ou pelo menos é isso que estão soando. Nesse episódio, o discurso do pai,do Rory (a quem sempre mentalmente me refiro a Mr. Wesley), é muito fraco, e principalmente sem muita base para sustentar seus argumentos, a cena de a Amy e o Rory sairem da comemoração de aniversário de casamento deles para irem comemorar juntos num hotel escolhido pelo Doctor foi a maior base e ainda assim não foi nem citada no discurso, pelo menos não de modo direto e impactante. Então, achei essa discurso chato.

O discurso que o Doctor faz sobre a humanidade ser esperançosa podia ter durado mais e sido mais enfático e empolgante como geralmente é (ou era). Mas logicamente, não culpo Matt Smith, ele cumpriu seu papel em dar um toque emocionado a ele.

Eu já disse que o tema do episódio não era a invasão, mas ainda acho que ela tinha que ter afetado mais eles pessoalmente. Ela deveria tê-los feito ver que era melhor haviam vários outros planetas além daquele para ser salvo. Então, não. Não foi o suficiente para mim.

Espero que eu possa falar bem melhor dos próximos episódios do Doctor. Talvez eu esteja apenas ficando exigente demais depois da maravilha que foi a sétima temporada. Essa talvez seja o nosso Dark Night Rises, se você entende o que quero dizer.

P.S.: Devo dar notas para essas coisas? Confesso que quando tem notas, a não ser que elas me surpreendam muito, acabo só olhando para elas em outros blogs… Mas se preferirem, eu faço sem problemas 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s